Notícias mais notícias Osasco FC sofre gols nos acréscimos dos dois tempos e perde para o São Bernardo
 
 

Osasco FC sofre gols nos acréscimos dos dois tempos e perde para o São Bernardo

E-mail Print PDF
Foto: Antonio Cícero/ Osasco FC
Time terá que vencer por quatro gols de diferença fora de casa para conquistar o acesso

Não foi uma noite das mais felizes para o Osasco FC. Jogando diante de sua torcida, o time do técnico Vitor Mosca foi derrotado pelo São Bernardo por 3 a 0 e agora terá que golear o adversário no jogo da volta, fora de casa, para ascender à Primeira Divisão do futebol paulista em 2018.

A primeira chance de gol foi do Osasco. Danrley Marreta bateu de dentro da área, mas foi travado pela defesa adversária e a bola se perdeu pela linha de fundo. Aos 15, ele teve outra oportunidade, mas a finalização saiu por cima. Entre essas duas estocadas, os visitantes tiveram duas hipóteses claríssimas para abrir o placar, mas pecaram nos arremates de Felipinho – isolado na pequena área – e Lucas Gomes.

A resposta dos donos da casa veio aos 18 minutos na bomba que Rafinha soltou da entrada da área e que explodiu no travessão do goleiro Kaíke, no que seria um golaço. A bola, caprichosa, ainda tocou no terreno um pouco antes da linha fatal.

Em três minutos, Eltinho e Fernandinho colocaram o arqueiro da representação do ABC para trabalhar. Após estas chances dos anfitriões, o jogo ficou truncado e faltoso. Aos 40, Eltinho arriscou de longe e Kaíke se esticou para ceder o córner. Quando o jogo parecia que se encaminharia para o intervalo com o nulo no placar, Felipinho recebeu cruzamento na pequena área e abriu o marcador para os visitantes, restando aos osasquenses a reclamação por uma jogada perigosa no início da jogada. Ainda houve tempo, aos 49, para o segundo gol do São Bernardo, de Pedro Hulk, que saiu depois de uma cobrança de escanteio.

Em desvantagem, o Osasco começou o segundo tempo pressionando. Em 10 minutos, foram pelo menos três escanteios, além do cabeceio de Marreta, que passou com perigo por cima do travessão. Aos 18, Rafinha fez grande jogada individual e bateu da entrada da área, tirando tinta do poste direito.

Se com o placar empatado o São Bernardo já jogava no contra-ataque, na etapa complementar a equipe resolveu se postar atrás da linha da bola e sair em velocidade, embora este expediente não surtisse efeito. Quando criava, ainda perdia o lance, ora por errar na hora da conclusão, ora por seus atacantes ficarem em posição irregular, isso quando não amarravam o jogo.

Por muito pouco o gol osasquense não saiu aos 30, o que colocaria fogo de vez em uma partida disputada sob alta temperatura dentro de campo. Kaíke saiu jogando errado, mas foi salvo por sua zaga, que afastou a bola praticamente sobre a linha do gol.

Mesmo com a pressão nos minutos finais, o gol que saiu, outra vez no tempo extra, foi dos visitantes. Romario fez jogada individual e deu números finais ao marcador. Gabriel ainda acertaria a trave do goleiro Kaike no último lance do jogo. Para avançar às finais, portanto, o Osasco FC terá que vencer por pelo menos três gols de diferença no próximo domingo (17), em São Bernardo. Qualquer outro resultado dá a vaga ao time do ABC.

Ficha técnica

Osasco FC 0 x 3 EC São Bernardo
Sexta-feira, 8 de setembro de 2017, 19h Campeonato Paulista - Segunda Divisão (Semifinal, jogo de ida)
Estádio Prefeito José Liberatti, Osasco
Arbitragem: Alessandro Darcie
Assistente 1: Eduardo Vechi Marciano
Assistente 2: Risser Jarussi Corrêa
4º árbitro: Eleandro Pedro da Silva

Gols: Felipinho, aos 45, e Pedro Hulk, aos 49 minutos do primeiro tempo; Romario, aos 47 minutos do segundo tempo.
Equipes: Osasco: Matheus; Marcelo, Charles, Vinicius BB e Marlon; Rubens, Lucas Santos e Rafinha (Dieguinho); Eltinho (Gabriel), Danrley Marreta e Fernandinho (Mococca). Técnico: Vitor Mosca Suplentes: Pedro, Lira, Rodrigo, Gabriel, Mococa, Bruninho e Dieguinho

São Bernardo: Caíque; Denis, Raphael, Allan e Rômulo; Tauã, João Mello e Lucas Gomes (Nelsinho); Erick Mamer, Pedro Hulk (Romario) e Felipinho. Técnico: Ricardo Costa Suplentes: Wagner, Samuel, Bruno, Alan Lopes, Victor Luiz, Romário e Nelsinho

Foto: Antonio Cícero/ Osasco FC